Marcadores

terça-feira, 14 de agosto de 2012

BANDA BLITZ (MUSICA)


                                                                      BLITZ (banda)
BLITZ é uma banda de rock brasileiro. Foi uma das bandas precursoras do rock nacional. O grupo foi formado no Rio de Janeiro, em 1980. Integrado por Evandro Mesquita, guitarra e voz; Fernanda Abreu, backing vocal; Marcia Bulcão, backing vocal; Ricardo Barreto, guitarra; Antônio Pedro Fortuna, baixo; William "Billy" Forghieri, teclados; e Lobão (depois substituído por Juba), bateria.
Em 1982, o primeiro compacto, "Você Não Soube Me Amar", alcançou um sucesso estrondoso, logo seguido pelo álbum "As Aventuras da Blitz", consolidando a banda como fenômeno de massa.
Em 1984 a Rede Globo leva ao ar o musical "BLITZ conta o Gênio do Mal", representado por Oswaldo Loureiro (Kid Babalu, o Gênio do Mal) e com Patricya Travassos (Rapsódia Blue, comparsa de Kid Babalu). Nesse musical são executadas algumas músicas dos primeiros dois discos da banda.
Dois anos após o lançamento do terceiro LP — "BLITZ 3", de 1984 —, a banda se desfez, voltando a se reunir ocasionalmente para shows ou eventos.
Com um rock leve, letras bem-humoradas e performance teatral no palco, a BLITZ tocou no Rock In Rio de 1985
Em 1994 teve sua música "Mais uma de amor (geme geme)" como tema da novela A Viagem, da personagem interpretada por Fernanda Rodrigues.
 
Em 1997, alguns ex-integrantes se reuniram e gravaram o CD "Línguas" e, em 1999, veio outro, intitulado “Últimas Notícias”.
Márcia Bulcão e Ricardo Barreto trabalham juntos na banda DJambotrio que conta também com o Pedro Lima,criador do bloco Carnavalesco.Os 3 se reuniram em torno de um objetivo: realçar as influências da música africana no repertório brasileiro. Algumas canções são cantadas em idioma Wolof feitas em parceria com os músicos senegaleses Mamour Ba e Jean Pierre Senghor. Recentemente a banda lançou o álbum o "Eskute Blitz".


Discografia

1982 - As Aventuras da BLITZ 1
1983 - Radio Atividade
1984 - BLITZ 3

1990 - Todas as Aventuras da BLITZ                    
1994 - BLITZ ao Vivo
1997 - Línguas
1999 - BLITZ 2000 Últimas Notícias
2006 - BLITZ - Com Vida
2008 - BLITZ - Ao Vivo e a Cores
2009 - Eskute Blitz
2010 - DVD Ao Vivo Eskute e Veja Blitz

Evandro Mesquita    Evandro Mesquita (Rio de Janeiro, 19 de fevereiro de 1955)   é membro da banda brasileira Blitz e ator brasileiro. Estudou no Colégio Estadual André Mourois e cursou até o terceiro período de Educação Física época em que iniciou o grupo Asdrúbal Trouxe o Trombone.
        Biografia

Depois de ter participado do grupo de teatro Asdrúbal Trouxe o Trombone nos anos 70, fez grande sucesso no início da década de 80 como líder e vocalista da Blitz, uma das bandas de rock mais populares da época. Cantor e compositor, seguiu carreira solo depois do fim da primeira formação, por volta de 1986, trabalhando como músico e ator. Lançou os discos "Evandro", "Planos Aéreos", "Procedimento Normal" e "Almanaque Sexual dos Eletrodomésticos e Outros Animais". Um sucesso de sua carreira solo foi "Babilônia Maravilhosa". Participou de novelas e filmes, em geral fazendo o papel do típico carioca, surfista e malandro. Além disso, atua como produtor, diretor e roteirista de filmes, peças e discos.
Atualmente tem tido destaque com o personagem "Paulão da Regulagem" no seriado "A Grande Família" da Rede Globo. Além de ter lançado um livro em 2008, o "Xis Tudo", Evandro também lidera novamente a banda Blitz, que voltou com tudo e lançou, em agosto de 2007, o primeiro DVD da banda "Blitz Ao Vivo e A Cores", gravado no final de 2006 no Canecão, Rio de Janeiro, com grandes participações especiais (Dani Carlos, Paulo Ricardo, Da Gamma, George Israel, Ivete Sangalo e Fernanda Abreu). Em 2010 a Blitz lançou o CD de músicas inéditas Skut Blitz, o que rendeu também o segundo DVD da banda, contendo as inéditas e as já conhecidas e consagradas canções.

TRABALHO

       Televisão
2008 - Sexo Oposto
2005/2012 - A Grande Família....Paulão da Regulagem
2005 - Bang Bang .... Billy the Kid (Henaide / Simon / Edílson)
2004/05 - A Diarista....Ramon / Heitor dos Prazeres / Nando / Romeu
2004 - Sob Nova Direção .... Taxista
2003 - Malhação....Rômulo Amorim
2002 - Desejos de Mulher.... Bill
2001/02 - Os Normais....Tobias / Jorge / Valdo
2001 - Estrela-Guia .... André Teixeira
2000 - Sai de Baixo .... Chulapa
1992/00 - Você Decide
1998 - Vida ao Vivo Show
1995 - Malhação .... Ivan
1993 - Guerra sem Fim.... Francisco Laport
1993 - Mulheres de Areia.... Joel
1991 - Vamp.... Simão
1990 - A História de Ana Raio e Zé Trovão.... Jacaré
1989 - Top Model .... Saldanha
1985 - Armação Ilimitada
Filmes
2006 - Brasília 18%
2005 - Coisa de Mulher
2005 - Um Lobisomem na Amazônia
2005 - Deu Zebra (dublagem)
2004 - 5 criaturas e a Coisa (dublagem)
2004 - O Diabo a Quatro
2003 - Os Normais - O Filme....Sérgio
1999 - Gêmeas
1999 - Xuxa Requebra
1998 - Como Ser Solteiro
1994 - Dente por Dente
1991 - Não Quero Falar Sobre Isso Agora
1982 - O Segredo da Múmia
1982 - Menino do Rio
1982 - Rio Babilônia)
DISCOS

Evandro Mesquita

Evandro Mesquita - 1986

01 - Greg e sua gangue
02 - Acorda Pascoal
03 - Assim Falou Sapaim
04 - Sinfonia De Sapo E Balé De Vagalume
05 - Saco Cheio Da Cidade
06 - Gago apaixonado
07 - Sinto Saudade
08 - Bye, Bye, Dayse
09 - Trate-me Leão
10 - Greve
11 - 17 Graus Abaixo De Zero

https://rapidshare.com/files/3188000338/EM_-_Evandro_Mesquita_-_1986.rar

Procedimento Normal - 1989

01 - Vudu de Saia
02 - Gata no Cio
03 - O Trem
04 - A Verdadeira Estória de Alexandre Mac- Mac
05 - Manu
06 - Babilônia Maravilhosa
07 - Gentil Amérika
08 - Uma Chance
09 - Amar é Um Mistério
10 - Pecado Mora ao Lado

https://rapidshare.com/files/172036812/EM_-_Evandro_Mesquita_-_Procedimento_Normal_-_1989.rar

Almanaque Sexual dos
Eletrodomésticos e Outros Animais - 1991

01 - O Outro Lado do Espelho
02 - O Sonho
03 - Knockin'on Heaven's Door
04 - E So Eu de Negão
05 - Chacal Blues
06 - Minha Sweet Little Meg
07 - Camera Lenta
08 - Sem Segredo
09 - Doce Vida
10 - A Dois Passos do Paraiso


https://rapidshare.com/files/3836627178/EM_-_Evandro_Mesquita_-_
Almanaque_Sexual_dos_Eletrodomésticos_e_Outros_Animais_-_1991.rar


(Fernanda Abreu   Fernanda Sampaio de Lacerda Abreu (Rio de Janeiro, 8 de setembro de 1961) é uma cantora e compositora brasileira. Iniciou a carreira como vocal de apoio na banda Blitz, com Evandro Mesquita e, posteriormente, seguiu carreira solo, influenciada pelo samba, Sambalanço, Disco music, Rap, Funk e Funk carioca - estilo musical que ajudou a popularizar - e abandonando o pop rock da Blitz. Sua canção mais famosa é "Rio 40 Graus", de autoria de Fausto Fawcett, Fernanda Abreu e Laufer. É uma ilustre torcedora do Vasco, tendo lançado na festa de 113 anos do clube a canção "Vou Subir a Colina"

FERNANDA ABREU E SOFIA A SUA FILHA
     Carreira

Filha de pai português e de mãe carioca,  Fernanda lançou-se em carreira solo em 1990 com o álbum Sla Radical Dance Disco Club, produzido por Herbert Vianna e Fabio Fonseca. A primeira canção executada nas rádios foi A Noite, também presente na trilha sonora da novela Mico Preto da Rede Globo. Com forte inspiração disco, a faixa é uma das mais dançantes do álbum[5]. Em seguida, Fernanda alcançou o topo das paradas com a balada Você pra Mim, que embalava o romance dos personagens de José Mayer e Adriana Esteves em Meu Bem Meu Mal. O álbum conta ainda com uma versão de Got to Be Real de Cheryl Lynn, transformada em Luxo Pesado. Dele saiu ainda o videoclipe de Speed Racer, veiculado nos primórdios da MTV Brasil.

Em 1992, a disco foi substituída por ritmos mais brasileiros em Sla 2 Be Sample, seu segundo álbum. A faixa carro-chefe do mesmo foi Jorge da Capadócia, mas foi Rio 40 Graus, de autoria de Fausto Fawcett, Fernanda Abreu e Laufer, a canção que marcaria a carreira da cantora. Exaltando e ao mesmo tempo criticando sua cidade natal, Fernanda compôs um mosaico dos "tipos cariocas", de sua música, de seus hábitos e preferências. É com essa canção que Fernanda aproximava-se pela primeira vez do funk, gênero ao qual ficaria bastante associada futuramente.
Do álbum seguinte, Da Lata (1995) sairiam Garota Sangue Bom, Brasil É o País do Suingue e Veneno da Lata, o maior sucesso do cd. Em "É Hoje", Fernanda expõe o seu gosto pelo samba, regravando um famoso samba-enredo da Escola de Samba União da Ilha, sucesso nos anos 80 na voz de Caetano

AO LADO DOS EX MARIDO  Luiz Stein
 Veloso. Uma outra regravação de Fernanda faria ainda mais sucesso em 1997, lançada em seu álbum X, uma coletânea com seus maiores sucessos: Kátia Flávia, a Godiva do Irajá. Contando a história de uma contraventora de parar, literalmente, o trânsito, o cantor Fausto Fawcett (autor da música junto com Laufer) já havia entrado nas paradas de sucesso em 1987. Com uma veiculação bastante grande na MTV, o clipe fez sucesso com Fernanda colocando-se na pele de Kátia Flávia.
Entidade Urbana (2000) foi seu quarto álbum de inéditas e, aqui, ela combina o sambalanço dos álbuns anteriores com uma necessidade de falar das metrópoles, do universo asfixiante, dinâmico e apaixonante das grandes cidades. Os títulos das canções traduzem a homogeneidade do álbum: "Sou da Cidade", "São Paulo-SP", "Meu CEP É o Seu", "Urbano Capital", "Megalópole-Cidade".
A canção "Eu Vou Torcer" de Jorge Benjor foi a única do álbum "Na Paz" (2004) a ter certa rotação nas rádios.
Em 2006, Fernanda gravou o cd MTV ao Vivo dando nova roupagem aos seus sucessos solo e fazendo uma releitura de A Dois Passos do Paraíso, sucesso de 1983 de sua ex-banda, Blitz.
A cantora foi casada com Luiz Stein, com quem tem duas filhas chamadas Sofia e Alice.

NO CARNAVAL DE 2011 AO LADO DO EX MARIDO
     Discografia

          Álbuns com a Blitz
As Aventuras da Blitz (1982)
Radioatividade (1983
Blitz 3 (1984)

Álbuns solo
Sla Radical Dance Disco Club (1990)
Sla 2 Be Sample (1992)
Da Lata (1995)
Raio X - Revista e Ampliada (1997)
Entidade Urbana (2000)
Na Paz (2004)
MTV Ao Vivo (2006)
Perfil (2010))

   Lobão (músico)
Lobão, nome artístico de João Luiz Woerdenbag Filho (Rio de Janeiro, 11 de outubro de 1957), é um cantor, compositor, escritor, multi-instrumentista, editor de revista e apresentador de televisão brasileiro. Sua carreira musical é marcada por grandes parcerias; compôs sucessos como "Me Chama", muito famosa na voz de vários intérpretes, e "Vida Louca Vida", conhecida na voz de Cazuza. Apesar de ter surgido e conseguido sucesso no ambiente marginal e underground do rock brasileiro nos anos 80, Lobão vem dialogando com diversos gêneros, como o samba, ao longo de sua carreira.  Em 1988, por exemplo, o disco Cuidado! contou com a participação da percussão da Estação Primeira de Mangueira.

  Biografia

Nascido em 1957 no Rio de Janeiro, Lobão possui ascendência holandesa.  Sua carreira começou aos dezessete anos, depois de sair de casa para se tornar músico profissional. Participou de uma peça teatral e em seguida entrou para a banda Vímana, da qual também faziam parte Lulu Santos, Ritchie, Luis Paulo e Fernando Gama. Três anos depois, com o fim do grupo, Lobão seguiu sua carreira de baterista, tocando com Luiz Melodia, Walter Franco e Marina Lima. Fundou a banda Blitz com Evandro Mesquita, Fernanda Abreu e outros, mas por divergências ideológicas, saiu do grupo antes mesmo do sucesso comercial. Foi Lobão quem deu o nome à banda, às vésperas de um show, após uma indecisão do grupo.

    Carreira solo
Lobão, começa sua carreira solo com o lançamento de Cena de Cinema, em 1982. Em seguida forma a banda "Lobão e os Ronaldos" (que tinha na sua formação a cantora e tecladista holandesa Alice Pink Pank, ex-Gang 90 e as Absurdettes, além de Guto Barros, guitarrista e um dos fundadores da Blitz), que lança Ronaldo Foi Pra Guerra. Apesar do estrondoso sucesso de "Me Chama", a banda tem uma vida curta e Lobão segue carreira solo mantendo alta rotatividade na mídia, lançando o single "Decadence Avec Elegance" (1985) e o álbum O Rock Errou (1986), do qual "Revanche" se torna o carro-chefe. Logo após seu lançamento, Lobão é preso por porte de drogas, passando um ano na cadeia. Ali ele desenvolve o disco Vida Bandida, voltando aos holofotes. Depois de um flerte com o samba-rock e participações nos festivais Hollywood Rock e Rock in Rio II (onde recebeu uma vaia histórica), Lobão passa um período fora da mídia.

Suas atitudes polêmicas voltariam a ter evidência em 1999 depois de seu rompimento com as gravadoras e o lançamento de A Vida é Doce num esquema inédito, com distribuição pela internet, bancas de jornais e lojas de departamento. Após o sucesso da vendagem e de crítica com seus discos independentes A Vida é Doce (1999) e 2001: Uma Odisséia no Universo Paralelo (2001), lançou a revista Outracoisa, através da qual lança bandas e músicos de maneira independente, tais como Cachorro Grande, B.Negão e Arnaldo Baptista. Seu último disco de estúdio Canções Dentro da Noite Escura, lançado em 2005, foi também lançado pela revista com tiragem inicial de 21.000 exemplares. Em abril de 2007 lançou o álbum Acústico MTV, que foi premiado com o prêmio Grammy Latino na

 categoria melhor disco de rock, e como o próprio Lobão caracterizou, foi uma seleção "parcial" de sucessos do músico, contando, inclusive, com a participação especial do grupo Cachorro Grande, lançado pela Outracoisa.
No final de 2010, o cantor lançou sua biografia 50 Anos a Mil, ao lado do jornalista Cláudio Tognolli. O livro conta histórias inéditas e conhecidas sobre a vida do músico, além da letra de duas novas canções, Song for Sampa, em homenagem a São Paulo, e Das Tripas, Coração, em homenagem a Júlio Barroso (1953 - 1984), Cazuza (1958 - 1990) e a Ezequiel Neves (1935 - 2010). Junto com seu livro, Lobão, em parceria com a Sony Music, montou um box com 3 CDs mais o DVD do Acústico MTV, contendo as canções mais significativas dos 10 primeiros anos de sua carreira, todas as músicas escolhidas por ele e remasterizadas pelo produtor americano Roy Cicala, famoso por trabalhar com grandes nomes do Rock mundial, como John Lennon e Jimi Hendrix, e com os Brasileiros Nasi e Ciro Pessoa. Em meados de 2011, prestes a completar um ano de lançamento, 50 Anos a Mil chegou a marca de 100 mil cópias vendidas[4]. Desde o início de 2011, Lobão vem fazendo a turnê "Elétrico 2011". Em comemoração aos 30 anos de carreira solo, o cantor gravou em outubro de 2011, um DVD em São Paulo, no Citibank Hall[5]. O registro será lançado e distribuido pela Deckdisc em setembro de 2012. Além disso, Lobão começará a escrever um novo livro, que tem previsão de lançamento para o início de 2013, e o livro 50 Anos a Mil ira para as telas de cinema em 2014.


                                                                                   Editor
Em 2003, Lobão lançou a revista cultural Outracoisa, com a parceria da L&C Editora. Essa revista reunia participações de músicos e pensadores do Brasil, entre eles José Celso Martinez Corrêa, Silvio Essinger, Angeli, Laerte, Adão Iturrusgarai, Zé da Silva, Martha Medeiros, Adilson Pereira e outros. Em 2010, lançou sua autobiografia "50 Anos a Mil", que conta desde suas histórias da juventude, até sua mais loucas experiências como músico. O livro é co-assinado por Claudio Tognolli. Lobão insiste quem sem a "documentação" de Claudio, as pessoas não acreditariam nas histórias. Em 2012, começou a escrever um novo livro, intitulado "O Manifesto do Nada na Terra do Nunca". O guia sobre a nova música brasileira, como definiu Lobão, tem previsão de lançamento para março de 2013.

       Televisão

A partir de 2005, Lobão começa a trabalhar com televisão. Nesta época, apresentou o programa Saca Rolha, na PlayTV, junto com Marcelo Tas e a modelo Mariana Weickert. Os três recebiam todos os dias convidados para juntos debaterem temas nacionais e internacionais. Trabalhou de junho de 2007 à dezembro de 2010 como apresentador na MTV Brasil. Apresentou 4 programas, entre eles, o MTV Debate, durante todo seu período como Vj, Código MTV, em 2008, o polêmico Lobotomia, em 2010, e Lobão ao Mar durante o verão. Lobão também fez uma participação como jurado no Astros do SBT, em 2008.

Durante o ano de 2011, ficou afastado da televisão para cuidar de sua carreira musical. Em novembro de 2011, assinou com a Rede Bandeirantes para apresentar o programa A Liga, no lugar do humorista Rafinha Bastos . Três meses após o início das gravações, Lobão deixou a atração por problemas com a produção do programa, além de estar envolvido com a produção do novo CD e DVD Lindo, Sexy & Brutal, que será lançado em setembro pela Deckdisc e o início de um novo livro, que será lançado em 2013.
 

Discografia

Ano Álbum Gravadora Tipo Formato Vendas
1982 Cena de Cinema BMG Estúdio LP/CD/K7 8 mil
1984 Ronaldo foi pra Guerra (com Os Ronaldos) BMG Estúdio LP/CD/K7 23 mil
1985 Decadence Avec Élégance (com Os Ronaldos) BMG Estúdio EP Sem Dados
1986 O Rock Errou BMG Estúdio LP/CD/K7 Sem Dados
1987 Vida Bandida BMG Estúdio LP/CD/K7 350 mil Platinum.png Platina
1988 Cuidado! BMG Estúdio LP/CD/K7 100 mil Gold.png Ouro
1989 Sob o Sol de Parador BMG Estúdio LP/CD/K7 80 mil
1990 Vivo BMG Ao Vivo LP/CD/K7 Sem Dados
1991 O Inferno é Fogo BMG Estúdio LP/CD/K7 Sem Dados
1995 Nostalgia da Modernidade Virgin Records Estúdio CD 21 mil
1998 Noite Universal Music Estúdio CD Sem Dados
1999 A Vida é Doce Universo Paralelo Estúdio CD 100 mil Gold.png Ouro
2001 2001: Uma Odisséia no Universo Paralelo Universo Paralelo Ao Vivo CD Sem Dados
2005 Canções Dentro da Noite Escura Universo Paralelo/OutraCoisa Estúdio CD 21 mil
2007 Acústico MTV Sony BMG Music Entertainment Ao Vivo CD/DVD 23 mil
2010 Box Lobão - 81-91 + DVD Acústico MTV Sony Music Coletânea Box (CD/DVD) Sem Dados
2010 50 Anos a Mil (Das Tripas, Coração/Song For Sampa) Independente Estúdio   Sem Dados
2011 Agora é Tarde (Single) Independente Estúdio   Sem Dados
2012 Lindo, Sexy & Brutal [10] Deckdisc Ao Vivo LP/CD/DVD/Download/Blu-ray Sem Dados













Márcia Bulcão
A ex-cantora da banda Blitz, Márcia Bulcão une a música com a literatura. Depois da experiência com a banda que durou apenas 4 anos, mas é considerada uma das precursoras do rock nacional, Márcia formou-se em Licenciatura Musical, fez parte de outras bandas e atualmente está no Djambo Trio que reúne samba e afro beat. Junto com seu irmão Clóvis Bulcão, Márcia acaba de lançar a obra “Noel, o menino da Vila” ( Escrita Fina), uma biografia voltada para o público infanto-juvenil, que mostra o pouco conhecido repertório infantil do sambista.






                                                                                                                               






  Billy Forghieri

Nos teclados, William Forghieri ! Quem ? Ah, o Billy ! Paulistano nascido no Ipiranga e criado em Guarulhos, foi parar em terras cariocas literalmente no susto: depois de rodar a Europa com o grupo progressivo ‘Apocalipse’, pasme, foi deportado da Inglaterra ! Chegando ao Rio, conheceu o mítico Júlio Barroso e entrou para a histórica Gang 90. Sem ter onde ficar, foi dividir o teto com o futuro baterista da BLITZ, um tal de Lobão. E como quem não queria nada, Billy foi levando um som com Evandro & Cia e assim, no sapatinho, acabou deixando a Gang do Júlio e assumindo a tecladeira da BLITZ antes mesmo que a banda lançasse o primeiro disco. Membro originalíssimo.

Juba

Quando Lobão resolveu deixar a BLITZ no auge do estouro, ninguém entendeu nada. Foi aberta a temporada de caça ao novo baterista. Problema à vista: todos os candidatos ao posto emperravam na levada louca de ‘Geme, Geme’. Indicado por um conhecido, Juba, músico da noite paulistana, enfiou a batera no carro e pegou a Dutra ouvindo BLITZ sem parar. Chegando ao Rio, mandou brasa no teste e foi aprovado na hora. Do segundo disco em diante, as baquetas ficaram a cargo do então mais novo integrante. E até hoje é assim.
CapaDVDBlitz2010.jpg
videogame.jpg
Blitz no VideoGame com Angelica fazendo perguntas sobre nosso mestre Evandro.
Nao percam nessa semana
.