Marcadores

sexta-feira, setembro 27, 2013

A HISTORIA DO GUNS N`ROSES PARTE 02


Guns N' Roses, 02
"The Spaghetti Incident?" 

Em 23 de novembro de 1993, o Guns N' Roses lançou uma coleção de punk e glam rock intitulado "The Spaghetti Incident?". Apesar dos protestos de Rose-companheiros de banda, uma capa não divulgada da música do serial killer Charles Manson, "Look at Your Game Girl" foi incluída no álbum, a seu pedido.

Anos mais tarde, Rose disse que iria remover a canção da nova prensagem do álbum, alegando que os críticos e a mídia tinha interpretado mal o seu interesse na música de Manson. Axl pode ser vista usando uma camisa preta Manson no vídeo "Estranged" de Use Your Illusion II. Ele também pode ser visto vestindo uma camisa vermelha Manson em cenas de seu show em Milton Keynes, Inglaterra, em 1993, com o texto adicional na parte de trás, "Charlie Don't Surf". "Look at Your Game Girl" não foi removido e ainda está caracterizado em prensagens do álbum. Apesar do sucesso inicial, "The Spaghetti Incident?" não coincidir com as vendas dos álbuns Illusion e sua liberação, consequentemente, levou ao aumento da tensão dentro da banda. "The Spaghetti Incident?" vendeu até hoje cerca de 1,4 milhões nos Estados Unidos, sendo considerado um desempenho fraco.

Hiato (1994-1998) 
Entrevistas com membros do Guns N' Roses sugerem que entre 1994 e 1996, a banda começou a escrever esporadicamente e gravar novo material, a maioria dos quais, de acordo com Slash, tinha sido escrito por Rose. Rose afirmou o oposto na carta aberta no site oficial do Guns, que o álbum era mais um "álbum de Slash" e Rose faltava muito pouco para o álbum. Na época, a banda tinha a intenção de lançar um único álbum com 10 ou 12 canções.
Em relação à disfunção de gravação da banda, nesse momento, Rose é citado como tendo dito: "Nós ainda necessária a colaboração da banda como um todo para escrever as melhores canções. Como nada disso aconteceu, essa é a razão pela qual esse material ficou desfeito."
Em dezembro de 1994, o Guns N' Roses lançou uma gravação cover dos Rolling Stones "Sympathy for the Devil". A canção apareceu no filme Entrevista com o Vampiro, na trilha sonora do filme e também foi lançado separadamente como um único. É o final do Guns N' Roses com Slash na guitarra, Duff McKagan no baixo e Matt Sorum na bateria. Ele também incluiu Paul Huge na guitarra rítmica, cuja presença na pista e na banda criou grande tensão entre Rose e Slash, como Slash não gostava de Huge e sentiu que não tinha lugar nem o "chops" para caber no G N' R.

A gravação de "Sympathy for the Devil", bem como a tensão entre ele e Rose, levou Slash a deixar a banda oficialmente em Outubro de 1996. Ele foi substituído pelo guitarrista de turnê do Nine Inch Nails Robin Finck em janeiro de 1997, que assinou um contrato de dois anos com a banda em agosto de 1997 tornando-o um membro oficial. Matt Sorum, foi demitido em abril de 1997 e, em seguida, o baixista Duff McKagan, se demitiu da banda em agosto de 1997. Como tal, todos os membros que participaram na gravação de Appetite for Destruction (com exceção de Rose) saíram da banda. Várias exibições foram apresentadas na saídas por vários membros da banda (atuais e antigos). Em 1994 Rose realizou uma conferência de imprensa ou realizados até 2001 com o seu novo elenco. Axl, em 1994 fez um dueto com Bruce Springsteen em um cover da música dos Beatles "Come Together".
McKagan foi o último da linha de Appetite para sair, renunciando como baixista em agosto de 1997, sendo substituído mais tarde em 1998 por Tommy Stinson (ex-The Replacements). Sorum foi substituído por Chris Vrenna por um tempo curto em abril-maio ??de 1997, seguido brevemente pelo Pod, e finalmente por Josh Freese, no verão de 1997.

Até o final de 1998, uma nova versão do Guns N' Roses surgiu: muitos músicos vieram e se foram da banda nova, mas o grupo central incluiu Rose, Stinson, o tecladista Dizzy Reed e o multi-instrumentista Chris Pitman.
A Geffen lançou Live Era: '87-'93, uma coletânea de performances ao vivo de vários concertos durante o Appetite for Destruction e Use Your Illusion tours. A banda devia a Universal / Interscope um álbum ao vivo, que foi principalmente montado por Duff, que na época ainda era um parceiro de banda.
O "Novo" Guns N' Roses, Chinese Democracy (1999-2011)
Em 1999, a banda lançou uma nova música, "Oh My God", que foi incluída na trilha sonora do filme Fim dos Dias. A faixa de trabalho foi caracterizada pelas guitarras adicionais por Dave Navarro e Gary Sunshine, o professor de guitarra pessoal de Rose. O lançamento da canção foi destinado a ser um prelúdio para o seu novo álbum, intitulado Chinese Democracy.
Também em 1999, durante uma entrevista com Kurt Loder da MTV, Axl disse que ele tinha re-gravadas Appetite for Destruction com a banda então nova, além de duas canções que ele havia substituído por "Patience" e "You Could Be Mine".

Chinese Democracy teria sido feito desde 1994, com Rose o único membro original ainda na banda. De acordo com um relatório publicado em 2005 pelo The New York Times, Rose teria supostamente gasto U$ 13 milhões no estúdio por esse ponto.
Em 1999, o guitarrista Robin Finck saiu da banda para se reunir sua antiga banda, Nine Inch Nails, em turnê. Em 2000, guitarrista de avant-garde Buckethead entrou para Guns N' Roses como um substituto para Finck. O baterista Josh Freese foi substituído por Bryan Mantia (ex-Primus). Robin Finck voltou para a banda no final de 2000, para complementar Buckethead na guitarra solo.
Em 2000, o Guns N' Roses é anunciado como uma das principais atrações do festival Rock in Rio III, que seria realizado em janeiro de 2001 no Rio de Janeiro. Este show foi marcado como 'a volta do Guns N' Roses' e também por ser o maior público na história da banda, com cerca de 240 mil pessoas. A formação consistia em Axl, Dizzy, Tommy, Robin, Paul, Buckethead, Brain e Chris Pitman, este último não reconhecido como membro oficial da banda. No show é apresentada 5 músicas novas (Oh My God, Madagascar, The Blues, Silkworms e Chinese Democracy), além dos antigos clássicos. Em uma homenagem inusitada, Robin Finck tocou uma versão rocker do sucesso "Sossego" de Tim Maia, durante a apresentação da banda no Rock In Rio III.

Em 2002, Paul Tobias abandonou a banda. Foi substituído por Richard Fortus, ex-Love Spit Love. O grupo seguiu com shows em Agosto na Europa e Ásia, seguidos por uma aparição surpresa no MTV Video Music Awards. Em novembro, começaram nova turnê americana, mas o primeiro show, em Vancouver, foi cancelado pelo fato de Axl não conseguir ir para o Canadá (o descontentamento do público foi grande). Dezesseis shows se seguiram, esgotando-se em mercados como Nova Iorque e não vendendo bem em mercados menores. Então, um show em Filadélfia fora cancelado porque Axl supostamente tivera problemas repentinos de saúde. Os 15 mil fãs presentes se revoltaram e destruíram o local, e o resto da turnê foi cancelada.
Dois anos depois, em março de 2004, o guitarrista Buckethead abandona a banda, alegando falta de interesse do Axl em lançamento de material e shows, fato que só seria oficialmente anunciado quatro meses depois. Com a saída de Buckethead, a banda cancela sua apresentação no Rock in Rio Lisboa, que aconteceria no mesmo ano. Nenhum guitarrista substituto fora anunciado. No mesmo mês, a Geffen lançou a coletânea Greatest Hits, já que o novo álbum de estúdio Chinese Democracy não saía há 11 anos. Rose demonstrou seu desprazer com o álbum, já que a lista de faixas fora feita sem seu consentimento, e tentou impedir seu lançamento. Falhou, e o álbum foi sucesso de vendas. No início de 2005, o empresário do Axl, Merck Mercuriadis, afirma que 2005 "é o ano do Guns N' Roses", criando assim uma grande expectativa para o lançamento do álbum Chinese Democracy. Porém não é o que acontece, mais um ano se passa recheado de boatos.

Em 2006, o guitarrista Ron "Bumblefoot" Thal foi contratado, e a banda fez uma turnê com shows em Europa (inclusive no Rock in Rio Lisboa) e América do Norte, estendida para México, Ásia e Oceania em 2007. Foram convidados a tocar no Live Earth - mas no Brasil, sendo que a banda estava em turnê na Ásia, levando-os a recusar18 . Dois shows em um festival na África do Sul foram cancelados após o baixista Tommy Stinson machucar o pulso19 .
Em maio de 2006, o Guns N' Roses reaparece com 5 shows em Nova York, sendo um acústico. Poucos dias depois, a banda divulga uma grandiosa turnê européia que se inicia em Madrid, no final de maio de 2006, como um show de aquecimento para o festival Rock in Rio Lisboa onde a banda era uma das principais atrações, novamente. Esse ano, com certeza, foi um excelente ano para a banda. Com um público de mais de 700 mil pessoas somente na Europa, a banda ficou entre as 10 mais sucedidas do ano. Estados Unidos e Canadá completaram as passagens do Guns N' Roses em 2006, completando um total de 21 países. Em dezembro de 2006, Axl Rose publica uma carta aberta ao fãs no site oficial do Guns, falando sobre o atraso no lançamento do Chinese Democracy e seu relacionamento com Merck Mercuriadis, seu empresário.

Axl explica que quando corcordou em fazer a turnê norta-americana, ele e Merck tinham em mente que o CD seria lançado em 26 de dezembro, o que acabou não acontecendo.
No ano seguinte, em 2007, o Guns N' Roses continua a turnê, que teve seu último show no Japão, em julho. Após mais de 1 ano na estrada, a espectativa para o lançamento do Chinese Democracy era imensa, por parte de todos. Até a marca de refrigerante Dr. Pepper publicou que iria distribuir uma garrafa de bebida de graça para cada cidadão dos Estados Unidos, caso o álbum fosse lançado até 31 de dezembro de 2008. No dia 23 de novembro de 2008, depois de 13 anos de espera, o Chinese Democracy é lançado em todo o planeta. O disco já conseguiu a marca de 5,1 milhões de cópias no mundo e adquiriu um disco de platina nos Estados Unidos. Mesmo com o lançamento, os fãs tem mais um desgosto com Axl já que a banda simplesmente não fez nada para promover o disco: nada de clipes, entrevistas e muito menos shows. A única coisa significativa foi o lançamento do disco no Rock Band. O Chinese Democracy se torna o álbum mais esperado de todos os tempos, tendo até agora um custo de produção de aproximadamente 13 milhões de dólares.

A banda anunciou em fevereiro de 2009 o guitarrista DJ Ashba para substituir o guitarrista Robin Finck, que deixou o grupo para entrar em turnê com sua ex-banda, o Nine Inch Nails. Até agora não se sabe ao certo o motivo de sua saída.
No dia 11 de dezembro de 2009 foi dado o início à Chinese Democracy World Tour (oficial, já que a "Chinese Democracy World Tour" começou em 2001, mas o álbum a ser promovido não havia sido lançado ainda). 
Desde que começou a turnê, já chamou a atenção, pois de seus quatro primeiros shows, em Taipei, Seul, e Japão, o último teve mais de três horas de duração. Para a surpresa de muitos fãs, o Guns voltou a tocar covers que não entravam mais no repertório, como "Whole Lotta Rosie" do AC/DC e "Nice Boys" do Rose Tattoo. A turnê também marca o novo visual de Axl, agora com cabelo liso, curto, loiro, e uma bandana, sempre de calça jeans e camisetas de cores variadas. No show em Osaka, o álbum Chinese Democracy foi quase tocado na íntegra, faltando apenas a faixa "Riad N' The Bedouins".  and Billboard

No dia 21 de março foi confirmado no site do Rock in Rio a presença da banda, com uma apresentação realizada do dia 2 de outubro de 2011, e no mesmo mês foram feitos shows na Argentina e no Peru. 
Próximo álbum, Rock and Roll Hall of Fame e Tour 2012(2011-presente) 
Em uma entrevista por telefone MTV com Kurt Loder, em 1999, Axl disse que ele e a banda tinha novo havia gravado material suficiente para um álbum duplo. Em uma conversa informal pra Rolling Stone em fevereiro de 2006, Rose disse que a banda tinha 32 canções para o novo álbum. Quando se apresentou em diversos fóruns de fãs em dezembro de 2008 (depois do lançamento do Chinese Democracy), afirmou que tinha várias canções para possíveis álbuns no futuro. Em uma entrevista de 2007, Sebastian Bach, amigo próximo de Axl Rose, declarou que a música "O General" tinha um som "pesado" com "gritos vocais" e também disse que era uma continuação de 1991 da balada clássica "Estranged", do álbum Use Your Illusion II. Bach também afirmou que Chinese Democracy será o primeiro de uma trilogia de álbuns novos, e que Rose tinha dito a ele o terceiro, ainda sem título, o álbum foi programado para 2012.

Em uma entrevista com a estação de rádio australiana Triple M, DJ Ashba disse: Axl tem muitas grandes canções escondidas na manga. Ele provavelmente tem três discos de material gravado". Ele disse que o cantor senta ao piano e toca. "Eu penso, isso é fabuloso. As pessoas têm que ouvir essa música. E ele responde, 'Ah, isso é só uma coisa na qual eu tô matutando.’ Ele é simplesmente um gênio quando o assunto é música e eu mal posso esperar para sentar com um violão e apenas escrever. Ele tem esse dom que é muito, muito raro."27
Em 27 de setembro de 2011 a banda foi nomeada finalista para introdução no Rock and Roll Hall of Fame. Os cinco homenageados serão anunciados no fim de 2011.28 A banda se apresentou no Rock in Rio no dia 2 de Outubro.
Depois de ser finalista para introdução no Hall, foi especulado sobre um possível reunião do grupo. Duff McKagan disse a Associated Press: "Claro que há uma chance. Eu não sei o quão real é essa chance."

 Slash também falou sobre a reunião a Billboard: "Claro que há especulações sobre como será caso sejamos premiados, mas no caso do Guns N' Roses realmente não há como adivinhar o que pode acontecer. Eu suponho que, se acontecer, todos irão tentar se entender de alguma forma. Mas acho que o primeiro a se fazer é esperar e ver se se seremos incluídos no 'Hall', já que sabemos o quão imprevisível isso pode ser". 
Axl deu a entender que talvez exista a possibilidade de um reencontro com Slash. "Eu não sei o que isto significa em relação a mim e à velha banda - eu não sei - tudo ainda está indefinido. É uma honra estar na nominação e eu sei que existe definitivamente uma parcela dos fãs que realmente gostarão disto". 
No dia 07 de dezembro de 2011, a banda foi confirmada a introdução ao Rock and Roll Hall of Fame, com a cerimônia para o dia 14 de abril de 2012.

 Enquanto o guitarrista Slash simplesmente postou em seu twitter: "É uma honra", e o baixista Duff McKagan apenas re-twittou o anúncio original, os ex-bateristas do Guns, Steven Adler e Matt Sorum, recentemente opinaram sobre uma reunião na cerimônia do Hall of Fame. "Significaria muito para mim", Steven Adler disse a revista Rolling Stone sobre a possibilidade de Axl Rose aparecer para uma performance com a formação original. "Eu, pessoalmente, quero terminar o que comecei. Se nós começamos isso, vamos encerrar a carreira tocando juntos, pelo menos uma vez". 
Em 20 de janeiro de 2012, Bumblefoot falou sobre uma possível turnê de teatro a decorrer em Fevereiro. Não se sabe por enquanto se viajará em apoio de um novo álbum. Guns N' Roses anunciou shows nos Estados Unidos e Europa.

Em entrevista à revista Metal Hammer, Dizzy Reed reforçou a hipótese da formação original da banda reunida no Hall of Fame:
“Eu sei que toda a banda original vai estar lá. Eu não sei exatamente o que vai acontecer, mas tenho certeza de que será muito legal” [...] “Honestamente, não temos falado nisso. Eu não sei quando, como ou porque, mas tenho certeza de que chegará o dia em que teremos, todos nós, que conversar sobre esse assunto”. 
Em 11 de abril Axl Rose emitiu um comunicado na página oficial da banda no facebook dizendo que não irá a cerimonia de indução e que não gostaria de ser homenageado.