Marcadores

terça-feira, junho 05, 2012

os escoteiros mirins


Escoteiros-Mirins

origem da wikipedia

No universo fictício de Patópolis, os Escoteiros-Mirins (Junior Woodchucks) são uma organização de jovens (à semelhança dos Escoteiros de verdade) à qual pertencem Huguinho, Zezinho e Luisinho, sobrinhos de Pato Donald. Os Escoteiros-Mirins foram criados por Carl Barks em 1951, estreando na história “St. Bernhard Operation” (Walt Disney's Comics and Stories nº 125). Na maioria das histórias a organização é formada somente com meninos, mas em algumas histórias também aparece um grupo rival (no original, Junior Chickadees; na versão brasileira, Bandeirantes) formado por meninas, destacadamenteLalá, Lelé e Lili, sobrinhas de Margarida, contrapondo-se aos sobrinhos trigêmeos de Donald.
Huguinho, Zezinho e Luisinho carregam sempre consigo um exemplar do Manual do Escoteiro-Mirim, um guia fictício repleto de informações detalhadas e pertinentes sobre qualquer país ou situação em que Donald e os meninos se encontrarem. Sua profundidade da cobertura é notável, considerando ser um livro tão pequeno.
Manual fictício foi a inspiração para inúmeras publicações Disney mundo afora, com dicas, conselhos, cultura geral e fatos curiosos sobre a natureza e a vida em geral. No Brasil, começando pelo Manual do Escoteiro-Mirim original (1971), foram publicados em várias séries e formatos pela Abril. Veja tambémManuais Disney.
Don Rosa escreveu e desenhou uma história em que mostrou como o Manual evoluiu da biblioteca de Alexandria.
Jeff Foxworthy, em episódio de seu programa de televisão, declarou ter pertencido aos Junior Woodchucks em sua infância. Esta é talvez a única referência fictícia à organização fora do universo de Disney.
O termo "Escoteiros-Mirins" tem sido fonte de controvérsia por sugerir um vínculo entre a organização fictícia e o Movimento Escoteiro e, por conseqüência, conduzir o leitor a conceitos errôneos sobre o verdadeiro escotismo. A confusão acabou sendo alimentada no Manual do Escoteiro-Mirim e no Grande Livro Disney (ambos publicados pelo Grupo Abril), que descrevem ostensivamente o movimento criado por Baden-Powell sem desvinculá-lo dos Escoteiros-Mirins dos quadrinhos.

Escoteiros Mirins
Personagem de Quadrinhos Disney
Nome originalJunior Woodchucks
Sexomasculino
Espéciepato
Amigo(s)Pato Donald, Grande C.H.E.F.E.
Criado porCarl Barks
Primeira aparição"St. Bernhard Operation", em 1951
Projecto Banda desenhada  · Portal Disney

Manual do Escoteiro-Mirim

História

De acordo com o cartunista Don Rosa, o livro foi escrito pelos guardiães da perdida Biblioteca de Alexandria, compilando a essência de todo o conhecimento original da biblioteca. Foi encontrado mais tarde por Cornélio Patus, fundador de Patópolis, que deu o livro a seu filho. Por sua vez, este fundou os Escoteiros-Mirins como uma continuação dos guardiães da biblioteca.

[editar]Conteúdo


Manual do Escoteiro-Mirim é pequeno o bastante para caber facilmente na mochila comum de um escoteiro-mirim, mas quase nunca deixa de fornecer a informação que se precisa. Em particular, contém informações de tesouros perdidos, um guia de sobrevivência completo, informações históricas e técnicas extensas e vocabulários em várias línguas mais ou mais menos comuns (como um glossário mínimo de lagartos). No entanto, não contém informações que um escoteiro-mirim já deve saber, como a posição do Cabo da Boa Esperança, nem contém informações sobre coisas inexistentes. (Em um episódio de DuckTales, os três sobrinhos enfrentaram um dragão; quando consultaram o Manual, o verbete "Dragões" informava que, já que dragões não existiam, não havia nenhuma razão para incluir informação sobre eles).Em geral, é uma enciclopédia mínima (embora o subconjunto dos artigos seja extraordinariamente bem selecionado), disponível somente aos escoteiros-mirins. (É possível discutir que o mais próximo que existiria na vida real seria uma enciclopédia eletrônica, como a Wikipédia, com uma função da busca; entretanto, o Manual dos Escoteiros vem sempre em papel.)Uma habilidade essencial de um escoteiro-mirim é conseguir achar rapidamente uma informação no Manual em caso de situação perigosa, como ataque de ursoterremoto, ou saltar de um avião sem pára-quedas.Tal como os Escoteiros-Mirins são claramente inspirados pelo Movimento Escoteiro, seu Manual também é. O manual real (pelo menos na década de 1950) era do mesmo tamanho que o fictício.